Tribuna de Petrópolis

Texto A - A A +

Carro derruba poste em colisão no Alto da Serra

Por: Rebeca Gehren
20/01/2017
Compartilhar:

Mais um carro derruba o poste da Rua Chile


Mais um carro se acidentou na Rua Chile, no Alto da Serra, batendo em um poste, que caiu no meio da rua, na noite de quinta-feira. É o quarto acidente no mesmo lugar em um ano. Apesar da concessionária Enel trabalhar no local na parte da manhã para recolocar o poste e os fios no lugar, grande parte do bairro ficou sem luz durante o dia inteiro de ontem. O comércio foi prejudicado

O acidente ocorreu na noite de quinta-feira, quando um Ford Ka branco colidiu contra um poste na curva da fábrica de tecelagem Formigão e o mercado Terê Frutas. De acordo com testemunhas, o motorista ficou preso nas ferragens e teve de ser socorrido pelo Corpo de Bombeiros. O homem foi encaminhado ao Hospital Santa Teresa e não há informações sobre o seu estado de saúde.

A partir das 8h de ontem, a rua já estava funcionando em meia pista e a concessionária Enel esteve no local, recolocando o poste e a fiação. No entanto, o bairro passou o dia inteiro sem luz. Moradores e comerciantes reclamam que é a 4° vez em um ano que o mesmo poste é atingido em um acidente. “Eu já não aguento mais! Estamos sem luz desde a meia-noite de ontem”, disse a professora Priscila Duarte, de 32 anos.

Os comerciantes e moradores acreditam que houve um mau planejamento por parte da concessionária, quando decidiram colocar o poste no local. “Tinham que mudar esse poste de lugar. É claro que para esse tipo de acidente acontecer, o veículo tem que estar em alta velocidade. Com o quebra-molas, os motoristas acabam perdendo o controle e batem direto no poste”, disse o comerciante Maurício Simões Schimitt. “É o quarto acidente. Se continuar dessa forma, alguém vai acabar morrendo”.

Comerciantes do bairro também foram prejudicados. A Fábrica de Tecelagem Formigão ficou com 10 funcionários parados o dia inteiro. Só na parte da manhã perderam cinco clientes. “Está tudo parado: máquina de cartão, balança e o maquinário da tecelagem. Não dá para atendermos ninguém”, disse o vendedor Júlio César, de 43 anos.

A faccionista Rosa Valéria, de 46 anos, foi uma das clientes que tentou comprar no Formigão, mas como a loja estava sem máquina de cartão, teve que procurar outro local. “Quando esse tipo de acidente acontece, a empresa tinha que trazer um gerador na hora, enquanto a luz não volta. No Rio de Janeiro é assim, eu já morei lá”, disse.

No dia 3 de dezembro do ano passado, outro carro, um Gol, colidiu contra o mesmo poste, por volta das 5h. Na ocasião, duas pessoas estavam no veículo e foram socorridas pelo Corpo de Bombeiros. As vítimas tiveram ferimentos leves.




Carro capota na Rua Santos Dumont

Um carro capotou na Rua Santos Dumont no início da tarde de hoje. O veículo, segundo testemunhas, atingiu outros dois carros que estavam estacionados. O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado mas o motorista negou atendimento.