Tribuna de Petrópolis

Texto A - A A +

Sargento e soldado da Polícia Militar são presos por dano ao patrimônio

Por: Janaina do Carmo
14/02/2017
Compartilhar:
Reprodução internet

Dois policiais militares do 26º BPM, um sargento e um soldado, foram presos administrativamente na noite da última sexta-feira (10) por dano ao patrimônio. Eles teriam dado dinheiro a outros dois homens para que furassem os pneus de uma viatura do serviço reservado que estava estacionada próximo ao batalhão. 

De acordo com o comandante do 26º BPM, tenente-coronel Eduardo Vaz Castellano, quando os policiais foram buscar o carro perceberam que os pneus estavam rasgados. "Eles começaram a investigar e chegaram a dois homens que confessaram ter recebido dinheiro para esvaziar os pneus", disse o comandante, acrescentando que o sargento entregou uma faca de serra para que um dos homens fizesse o serviço.

Todos foram levados para a 105ª Delegacia de Polícia (DP), onde foram indiciados pelo crime de dano ao patrimônio. Eles prestaram depoimento e foram liberados. Já os policiais militares foram encaminhados para o 11º BPM, em Nova Friburgo, onde permaneceriam presos por 72 horas. Hoje, após este período, serão liberados e voltarão ao trabalho. "Os policiais militares vão responder pelo crime que cometeram", ressaltou o comandante do 26º BPM. 

A ação aconteceu no primeiro dia da manifestação das mulheres dos policiais. Elas estão desde sexta-feira acampadas em frente ao batalhão. O movimento acontece em todo o Estado do Rio de Janeiro. Elas defendem a paralisação dos serviços dos militares até que seja pago o salário do mês de janeiro, o 13º salário, o Regime Adicional de Serviço (RAS) Olímpico e das metas atrasadas.