Tribuna de Petrópolis

Texto A - A A +

Odebrecht pagou R$ 7,3 milhões em propina por reforma do Maracanã

Por: Agência Brasil
18/04/2017
Compartilhar:
Foto: Reprodução internet
Executivos da empreiteira Odebrecht afirmaram, em delação premiada, que a empresa pagou cerca de R$ 7,3 milhões em propina para fraudar a licitação para as obras de reforma do estádio do Maracanã. e acordo com os delatores, o montante, destinado ao ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral, a secretários e a membros do Tribunal de Contas do estado (TCE-RJ), poderia ter sido ainda maior se os acordos tivessem sido cumpridos, o que não ocorreu devido à deflagração da Operação Lava Jato.

Cadastre-se gratuitamente ou faça o login utilizando as redes sociais para ler 15 matéria(s) por mês ou faça uma assinatura digital para ter acesso livre à todas as edições da sua Tribuna digital.