Tribuna de Petrópolis

Texto A - A A +

Vida e obra do maestro Tom Jobim será celebrada durante este mês pelo Sesi Cultural

02/11/2017
Compartilhar:
Foto: Reprodução internet

Se estivesse vivo, este ano Tom Jobim completaria 90 anos de idade, e para celebrar a data e as obras do artista singular e que representa tanto para o Brasil, o Sesi Cultural preparou uma programação especial em homenagem ao famoso cantor, compositor e maestro. O artista será o tema da edição 2017 do Dia Nacional da Cultura, comemorado anualmente no dia 5 de novembro. A programação no Theatro D. Pedro conta com atrações de teatro, música, infantil e dança e terão ingressos a R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia). Pessoas com mais de 60 anos, estudantes, deficientes físicos e associados ao SESI pagam meia-entrada.

A abertura será feita pelo show musical da BossaCucaNova amanhã, às 20h. O grupo traz um show onde reconhece a grandeza do maestro para a contemporaneidade e as novas formas de fazer música moderna sem perder do horizonte a raiz como fez Jobim com a MPB, dando um estilo único de arranjos e batidas feitas de forma particular.

No dia 7, às 15h será a vez do espetáculo de teatro infantil Bossa Novinha, que pretende aproximar as crianças e os jovens de gêneros musicais brasileiros que traduzem a forma marcante da identidade cultural brasileira.  Já no dia 10, às 20h, a Cia. Nós da Dança, sob direção de Regina Sauer, traz o espetáculo de dança contemporânea Bossa Nova, retratando o clima dos anos 50 com o surgimento do estilo musical, de seus compositores e de suas obras primas. Dançando o sol, o céu, o mar, a garota que passa, os amantes desafinados e declarando seu amor pela Cidade Maravilhosa.

Isabela Taviani será a atração musical encarregada de cantar Tom Jobim, em 17 de novembro, às 20h. "Passar o mês de novembro inteiro tocando, ouvindo e cantando Tom Jobim por todo o meu Rio de Janeiro, vai ser um privilégio e um bálsamo. As belíssimas melodias e harmonias do nosso Tom nos fazem retornar a um tempo em que a música brasileira era cultuada em todos os cantos do mundo”, garante a cantora. No repertório estão canções como Corcovado, Insensatez, Eu te amo, Chega de Saudade e Ela é Carioca, entre outras.

Para encerrar a programação um show especial. No dia 24 de novembro, às 20h, o projeto social de educação musical, Som+Eu, voltado para crianças, adolescentes e jovens do Morro da Providência, no Rio de Janeiro, e de Campos Elíseos, em Duque de Caxias, fará o show de abertura para a apresentação Um Tom de Saudade. Neste dia, sobem ao palco os músicos Rafael Castro, Jaime Alem, Nair Candida e o Quinteto de Cordas da Orquestra de Solistas do Rio de Janeiro (OSRJ).

A rica programação também percorrerá os Teatros SESI no Rio de Janeiro (Centro e Jacarepaguá), Duque de Caxias, Macaé, Campos e Itaperuna. A programação completa pode ser acessado no site http://www.firjan.com.br/sesi/qualidade-de-vida/guia-sesi-cultural/pagina-principal/.